Bilhete de Viagem do Jovem Quem Tem Direito ao Benefício

Veja como funciona o Bilhete de Viagem do Jovem, programa federal que oferece viagens interestaduais gratuitas para jovens de baixa renda.


Jovens de baixa renda passaram a ter acesso gratuito em ônibus e trens interestaduais através do Bilhete de Viagem do Jovem, um programa do Governo Federal que passou a valer em todo o país em setembro de 2016.

Se você tem interesse em usufruir deste benefício e aproveitar as passagens gratuitas para viagens interestaduais, veja neste artigo como conseguir o seu bilhete e como fazer as viagens.

Quem Pode Ter o Bilhete de Viagem do Jovem

Para ter acesso ao Bilhete de Viagem do Jovem será necessário fazer a Identidade Jovem, um documento dado a jovens de 15 a 29 anos que comprovarem serem filhos de famílias de baixa renda.

Este é o mesmo documento que é utilizado para que estes mesmos jovens tenham acesso aos benefícios de meia-entrada em eventos artísticos e esportivos, benefícios estes garantidos por lei federal.

E não é necessário ser estudante para conseguir o ID Jovem, desde que as informações do cidadão estejam atualizadas no Centro de Referência de Assistência Social – CRAS ou no Cadastro Único da sua cidade.

Como Retirar Bilhete de Viagem do Jovem

Para ser considerado um jovem de baixa renda, é preciso comprovar que a família receba menos de dois salários mínimos.

A emissão do ID Jovem é importante para que você tenha acesso ao Bilhete de Viagem do Jovem, e você faz a emissão online. O site da Caixa dá todas as informações para que você se cadastre e tenha acesso ao seu número de identificação.

O cartão gerado é totalmente virtual e, com ele em mãos, você consegue pedir os acentos reservados aos jovens em viagens interestaduais.

Como Funciona o Bilhete de Viagens

O portador do ID Jovem que tiver interesse em fazer uma viagem interestadual deverá solicitar o Bilhete de Viagem do Jovem.

Para poder viajar, é preciso verificar a disponibilidade de ônibus, trens ou embarcações para o seu destino com até 3 horas de antecedência em relação ao horário de partida.

Todas as viagens deverão ter duas vagas gratuitas em cada veículo, destinadas para este público. Caso as vagas estejam esgotadas, o transporte interestadual terá que reservar mais duas vagas com desconto de 50% para jovens de baixa.

As regras são semelhantes aos direitos de idosos, a única diferença é que com o Bilhete de Viagem Jovens apenas as viagens interestaduais são gratuitas.

Aprenda Como Fazer Currículo para Jovem Aprendiz

Não há ofertas e nem gratuidade em viagens intermunicipais. É importante destacar isso: o jovem só poderá se deslocar entre estados, jamais entre municípios de um mesmo estado se utilizar esse bilhete.

Por exemplo: um jovem de São Paulo capital pode embarcar rumo a uma cidade do Paraná sem pagar pela passagem. Mas se ele quiser sair de São Paulo capital para Sorocaba, interior do Estado, ele não terá a gratuidade e nem o desconto de 50%.

Vale a Pena Ter o Bilhete Jovem?

Um dos programas que mais oferece vantagens aos jovens de baixa renda é o ID Jovem, que garante o acesso a eventos esportivos e culturais para quem não teria condições de acompanhar.

E quando falamos em viagens também se torna interessante ter acesso a gratuidade de ônibus, trens e embarcações interestaduais. Muitas vezes as viagens de família são adiadas por conta do valor das passagens.

Com o Bilhete de Viagem do Jovem o jovem maior de idade poderá até mesmo viajar sozinho e ir para outro estado estudar, trabalhar ou passar uns dias de férias.

-
Facebook Twitter Google Plus WhatsApp
Sobre o autor:

Marcos Aurelio nasceu em Chapecó Santa Cataria e hoje mora em Caxias do Sul no Interior do Rio Grande do Sul, onde aprendeu a torcer para o Juventude e uma das suas maiores alegrias foi em 1999 quando o time foi campeão da Copa do Brasil.

Mais deste autor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *